Quem sou eu

Minha foto
Poeta - escritor - cronista - produtor cultural. Professor de Português e Literaturas. Especialista em Estudos Literários pela FEUC. Especialista em Literaturas Portuguesa e Africanas pela Faculdade de Letras da UFRJ. Mestre em Literatura Portuguesa pela UFRJ. Nascido em Goiás, na cidade de Rio Verde. Casado. Pai de três filhos.

quinta-feira, 26 de janeiro de 2017

Poema: Curta/Longa no Ato, de Erivelto Reis

Curta/Longa no Ato
Erivelto Reis

Para Flávio Oliveira

Já que a vida é curta ou longa,
Dependendo do enredo,
Vou te confiar um segredo
Que a palavra logo revela:
Destino de artista,
Sensível, carismático, capaz...
É ser reluzente como estrela...
Que o filme passa na tela
Da retina e da janela.
Protagonista da própria existência,
Eu sei e quem não diria?!
Sua amizade é um clássico
Exibido sem bilheteria,
Com plateia sempre cheia,
Para aplaudir sua energia.
Seja na tela ou no palco,
Na ribalta ou na coxia,
Flávio Oliveira, meu caro,
Talentoso Professor...
Amizade é uma lição
Que só se ensina e

Só se aprende com amor.

Nenhum comentário:

Postar um comentário