Quem sou eu

Minha foto
Poeta - escritor - cronista - produtor cultural. Professor de Português e Literaturas. Especialista em Estudos Literários pela FEUC. Especialista em Literaturas Portuguesa e Africanas pela Faculdade de Letras da UFRJ. Mestre em Literatura Portuguesa pela UFRJ. Nascido em Goiás, na cidade de Rio Verde. Casado. Pai de três filhos.

domingo, 6 de junho de 2010

Convenções

Convenções
Erivelto Reis

Não me julgues
Pela aparência,
Que todos sabem,
É ilusão fugaz!
E os elogios
Que me fazes agora,
Já foram feitos
A muitos outros mais.
Não me releves a palavra
Amena,
Que a ti pareça
Bela e trivial...
A elegância da minha
Discordância
Pode caber numa frase banal.
E a ti eu quero prevenir:
Não te apresentes
Tal e qual “estrela”,
Pois o orgulho
Pode te iludir!
Já que o brilho
Da verdadeira estrela
Que vês no céu,
Há muito tempo
Deixou de existir.

Nenhum comentário:

Postar um comentário